quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Cuide bem do seu amor...

Florzinhas, tenho lido vários posts sobre brigas com o amado, por diversos motivos, ciúmes, incompreensão, falta de diálogo, pensamentos diferentes, etc... E em vez de colocar para cada uma a minha experiência resolvi fz este post, para ajudar a outras noivinhas, blz?

Com o meu relacionamento aconteceu o seguinte: como todo relacionamento nós passamos por vários estágios, no início foi aquela paixão, o tempo passou e lá pelos 3 meses as diferenças começaram a aparecer, aos 6, elas começaram a incomodar e a render brigas homéricas... Aos nove meses, a brigas se intensificaram e houve uma série de conflitos, eram brigas diárias, eu a cada dia mais apaixonada e ele cheio de dúvidas, sem falar que por conta do meu ciúme e da falta de transparência dele naquele momento, a desconfiança e a insegurança se tornaram minhas companheiras íntimas, fiquei paranóica e os fantasmas começaram a aparecer, as brigas só faziam aumentar... Sofri horrores nesse período, eu tinha tanto medo de perdê-lo que não tinha coragem de abrir o jogo, pois o medo da resposta era angustiante... Fomos levando... Até que eu não aguentei mais e fiz perguntas diretas, ele disse que não havia feito nada de errado e embora emocionalmente eu não conseguisse acreditar, resolvi dar um voto de confiança e decidi acreditar na palavra dele... Mas, o fantasmas continuaram a nos assombrar, as brigas continuavam em menor proporção, mas sempre pelo mesmo motivo...

1 ano, 2 anos, 3 anos... O tempo foi passando e ele reconquistou a minha confiança, fez questão de ser verdadeiro, transparente em tudo, as brigas diminuíram bastante e ficamos mais unidos...
Entretanto, no ano passado, eu comecei a duvidar do que eu sentia de verdade, porque somos diferentes em termos de demonstrar afeto, eu sempre fui muito expansiva e intensa em td e ele muito comedido, então chegou um momento que o fato dele não demosntrar na intensidade que eu fazia começou a me incomodar, cobrava, mas rendia brigas e aí deixei de fz, sabe? Coisas pequenas, não ligava, não mandava msg, não me importava se ele não ligasse, larguei de mão, ele percebeu a mudança e passou a me cobrar, aí eu ficava furiosa, se ele não esboçava qualquer reação, como tinha coragem de me cobrar, fui enchendo o saco, de verdade... Ele sempre cobrava que eu não era a mesma, que não gostava mais dele, aí fui me enchendo de dúvidas, não tinha mais certeza de nada... Eu nem fazia questão de brigar mais, até que um dia depois de uma briga por telefone, ele disse q a gente precisava conversar... Marcamos a conversa e fui sem saco nenhum, totalmente indiferente, mas não tinha coragem de terminar... Sei lá, no fundo eu sabia que a gente se amava, mas tinha uma coisa fora de sintonia que não estava legal... Nessa conversa, ele veio com cobranças e eu pude dizer td que eu estava sentindo, instabilidade de sentimentos, o que nele não estava me agradando e tal, foi uma conversa mega difícil, e pedi um tempo para pensar, pois precisava organizar as idéias, fiquei arrasada depois dessa conversa, fomos para casa e eu fui direto para casa da minha madrinha de casamento e amiga, cheguei lá aos prantos, disse que eu tinha pedido um tempo, aí como sempre, ela muito sábia, orou comigo e decidimos que ela conversaria com ele no dia seguinte, para ouvir a versão dele, depois dessa conversa, ele começou a me reconquistar, fez uma caixa linda cheia de cartões, mimos, tinha uma cartinha para cada ano juntos, tudo muito lindo... Mas não encerrei o tempo nesse dia, aí no dia seguinte eu fui para igreja e lá Deus falou comigo que não era aquilo que Ele queria, nos vimos e encerrei o tempo, passamos a conversar mais depois disso, esclarecer as coisas, aos poucos fui voltando a ser a mesma Luciana de antes, romântica, carinhosa e ele me surpreendeu com a reciprocidade...

As coisas foram se ajustando, ele fez uma viagem da facult p/ BH, visitou Ouro Preto e comprou um anel para mim de prata c/ uma pedra de ametista (cor do meu curso), como eram vésperas da minha formatura virou um anel de formatura tb, digo tb pq ele me disse qnd me deu o anel que era um anel de noivado, aí fez o pedido, tão bonitinho... Aceitei, claro, né? E marcamos o noivado para o nosso niver de namoro este ano, aí noivamos e estamos muito felizes, cada dia mais.

Hoje, brigamos bem menos, são brigas tão insignificantes e que não duram muito, às vezes elas acabam com uma boa gargalhada, pq são tão ridículas q a gente ri de nós mesmos... Aprendi a ceder mais, mesmo estando certa (ou achando que estou, risos...) para evitar mágoas desnecessárias, esperar a raiva passar e só depois conversar, mostrar como a atitude dele me feriu, sem acusá-lo, uma tática boa é sempre centrar em você a situação, tipo: isso ME feriu, ME magoou, não Me deixa feliz, etc... Esta atitute tira do outro a posição de "culpado", na verdade o que entra em foco é a nossa reação à atitude do outro e não a atitude do outro propriamente dita, entendem? Tá que não sou terapeuta, mas tô falando de experiência própria, comigo dá certo e a gente sempre se entende, sempre!

Por isso que eu digo, todo casal passa por momentos de dificuldades, mas se o AMOR for suficientemente grande nada poderá separá-los! Isto é um fato, somos a prova disso! O segredo é a conversa sempre, falar td q incomoda, q não tá legal, respeitar sempre o outro e se respeitar tb, sempre no intuito de preservar a relação e não esquecer que embora estejamos juntos e felizes, é necessário cuidar da relação todos os dias, não deixar cair na rotina, ser cuidadoso um com o outro, com o nosso amor... O meu conselho é "Cuide bem do seu amor, seja quem for..."

Beijinhos!

15 comentários:

Noiva Mari disse...

Amei o post. Escreveu e explicou tudo ! Perfeito ! Eu acho que se fosse tudo bunitinho sem duvidas, brigas e desentendimentos nao ia ter graça. Ia ficar chato. Essas coisas servem pra um conhecer o outro, conversar, discutir, trocar ideias, expor o que está sentindo. Eu e meu amor nunca fomos de brigar, na verdade eu brigo com ele e ele entende e concorda que ele esta errado. Ou seja ele nao briga comigo rssss. Ai a gente se entende rapidinho. E agora que estamos noivos, parece que estamos mais fortes ... como se estivessemos protegidos por Deus e não estamos brigando por nada .. só dando muitas risadas com algumas situaçoes chatas. Ai ai .. o amor... eu cuido dele e ele cuida de mim ! Bom d + !

Bjim

Bruninha e Leandro disse...

Amei tudo que vc escreveu e ainda mais por ser experiência sua neh!!

E tens razão temos q ceder de vez em qndo, eu tenho um defeiito de querer sempre ter a razão, mesmo estando errada, mas um dia ele vai se cansar neh!!
E últimamente estamos brigando muito e mais por incompreensão da minha parte, mas estou tentando melhorar, mas tudo q vc disse tens razão, temos q cuidar da relação a cada dia e não deixar na rotina, pois pensamos em casar, em dividir um lar e namoro/noivado é um treinamento. Gostei daki e te add, amoo novas amizades.
Lu, vou te imitar um pokinho em relação a data o dia q ele e vc nasceram...

Bjãooo e assino em baixo do q vc falou!

Raquel disse...

Oi Tudo bem??
Sou nova no blog e estou te add ok?
Bjs!

A noiva disse...

Passando por aqui pela 1a me deparo com este post.Vc escreveu tudo o que um dia eu já senti...

A coisa mais dificil de um relacionamento é assumir as insatisfações...
Muito bom post!

Eu concordo com vc, quando diz que a gente amadurece.É verdade.
Antes eu e o noivo brigavamos por tudo e por nada.Hoje em dia é diferente!

Adorei seu blog, por isso te linkei tá?

Até mais

Cilla disse...

Apoiada! rs! adorei o seu post! Graças a Deus eu e meu amor não brigamos muito, só tivemos uma briga de verdade e com motivo, mas resolvemos tudo e atualmente nossas brigas são bobas e não duram mais de 1 dia! rs! Essas brigas servem para amadurecer o relacionamento.
Também te adicionei no meu blog, adorei seu comentário no meu post! rs!
Bjinhus!

Bruninha e Leandro disse...

Hahaaaaa

Isso Lú, vc tá acertandooo sim, e não foi ele quem atendeu, foi elaaaaaa, e ela tem total influência em nossa históriaa

Ah, copiei viu, obrigada!!


Bjão querida

Ju disse...

vou te confessar uma coisa: nunca brigamos
parece mentira, sempre q falo, ngm acredita, mas nós nunca brigamos, nunca, nunquinha
é uma bênção
=)

Raquel disse...

Oi lu, adorei o post realmente se sabemos que no final pode dar certo, pq não ceder tem vezes que agente pensa, não vai dar certo somos super diferentes, todo dia tem uma briga diferente, eu sempre pensei assim, mas eu orava a Deus e falava com Deus se for da sua vontade nosso casamento irá se concretizar, e hj posso dizer que eu casei pq Deus tem um plano na minha vida e na vida do meu noivo!! parabéns pela história e continue cultivando o amor de vcs, pq juntos serão um só.
Beijos!!

Noiva Mari disse...

É simples ... por exemplo vc escreve SITE ... ai vc seleciona a palavra Site e clica na "correntinha" que fica do lado do botão onde vc clica pra mudar as cores da letra. Ai abre uma janelinha que é onde vc coloca o endereço. Tenta aí .. qualquer coisa me fala.

Bjim

disse...

lindo seu post... uma história bem bonita...
Não sei o que te dizer.. sei que ainda tenho muito pra me acalmar, muito por passar e olha sabe que a dúvida que vc teve eu estou tendo tbm?!... só que mesmo que eu não ligue ou não mande msg ele não vai se importar... acho que ele está com muita raiva... vou ver como serão esses dias...
bjos

Aline - BA disse...

É isso mesmo!! Eu e Leo brigamos por coisas bobas, mas tento ao máximo evitar, pq é mto chato, sempre!!

Flamarion Silva disse...

Oi, Lu. Obrigado pelo comentário. Li seu relato e o achei muito acertado. É assim mesmo. Sou casado há 25 anos. Tivemos logo de cara um casal de filhos, uma com 24 e o outro com 23. E recentemente, imagine, depois de 21 anos, Deus nos deu de presente mais um filhinho. Chama-se Dimitri, está com dois anos, é muito lindo e muito esperto, e renovou tudo em nossas vidas. É como se fosse o início de tudo. Brigas? Claro que já brigamos muito, mas nós, seres tão diferentes, aprendemos a ceder e a encaixar harmoniosamente nossas diferenças. E tudo vai bem.
Desejo que seja feliz, amando apaixonadamente. Só assim vale a pena.
Beijos.

alicinha disse...

Adorei o post!
Vai me servir de lição!

Coisas de casal disse...

É por isso que amo esse mundo dos blogs, só aqui podemos trocar vivências e aconselhar uma as outras.Parabéns pelo post, vc está provando o quanto está preparada para dar um novo passo no relacionamento de vcs.Bjs

Não Somos Apenas Rostinhos Bonitos disse...

Amamos o post!